Google– ou –

Permitirá que a trabalhadora falte ao trabalho, por até 3 dias por mês, durante o período menstrual e depois compense as horas não trabalhadas.

Proposto pelo deputado
Carlos Bezerra do PMDB

Reforma trabalhista: mudará regras nas relações de trabalho como acordos coletivos, jornada de trabalho, férias, contratos temporários, dentre outros.

Proposto pelo presidente
Michel Temer do PMDB

Permitirá a exigência exame de gravidez em razão da demissão da empregada, para que seja garantido o direito à estabilidade de emprego à gestante.

Proposto pelo deputado
Laercio Oliveira do SD

Punirá com pena de prisão, de 1 a 4 anos, e multa, aquele que colar em concursos públicos.

Proposto pelo senador
Wilder de Morais do PP

Aumentará de 2 para 5 dias úteis a licença que o trabalhador tem direito em caso de falecimento de parentes próximos.

Proposto pela deputada
Conceição Sampaio do PP

Acabará com a obrigatoriedade de pagamento da contribuição sindical, determinando que somente os profissionais que se filiarem ao sindicato deverão pagar.

Proposto pelo senador
Sergio Petecão do PSD

Permitirá o trabalhador escolher se quer ou não pagar a contribuição sindical, ao invés de ser uma cobrança obrigatória.

Proposto pelo deputado
Paulo Martins do PSDB