Google– ou –
Rita Camata
Deputada • 5˚ mandato • Espírito Santo

Rita Camata

Psdb c75b955a1977e4ed797be5fabe4cab70c5783bfe1179fab99269217a9f9fbfd7PSDB - Partido da Social Democracia Brasileira

4 projetos cadastrados

0 aprovados, 0 reprovados

Votos em 19 projetos

17 sim, 2 não

Aceitação Geral

1.230 votos

1.122 sim

108 não

Total de comentários

20

Classificação Geral

Urgente
75%
Relevante
13%
Corajoso
0%
Inviável
0%
Irrelevante
6%
Sem noção
6%
Biografia +
Naturalidade: Conceição do Castelo, ES. Profissões: Jornalista. Mandatos Eletivos: Deputada Federal (Constituinte), 1987-1991 (Espírito Santo – PMDB); Deputada Federal, 1991-1995 (Espírito Santo – PMDB); Deputada Federal, 1995-1999 (Espírito Santo – PMDB); Deputada Federal, 1999-2003 (Espírito Santo – PMDB); Deputada Federal, 2007-2011 (Espírito Santo – PMDB). Filiações Partidárias: PMDB, 1982-2009; PSDB, 2009-. Atividades Partidárias: Vice-Líder, PMDB, 1990-1991 e 1993; Presidente, Comitê Nacional de Meio Ambiente do PMDB, 1991-1992; Vogal, 1991-1993, e Terceira-Vice-Presidente, 1993, Executiva Nacional, PMDB; Segunda-Vice-Presidente Regional do PMDB (Espírito Santo), 1993; Candidata a Vice-Presidente da República, representando o PMDB, na chapa cujo candidato a Presidente da República era o ex-senador José Serra (PSDB), atual govenador do Estado de São Paulo; Vice-Líder do Bloco PMDB, PTB, PSC, PTC, 28/3/2007-9/10/2008. Atividades Parlamentares: Assembléia Nacional Constituinte, Congresso Nacional: Comissões Mistas, Câmara dos Deputados: Comissões Permanentes, Comissões Especiais e Comissões Externas, Conselho, Frentes e Grupos Parlamentares.

Aumentará o tempo de internação para o adolescente que cometer ato semelhante a crime hediondo e tráfico de drogas.

Proposto pela deputada
Rita Camata do PSDB

Considerará a família que tenha renda média de 1 salário mínimo por pessoa como incapaz de manter uma pessoa idosa ou com deficiência, permitindo assim que o idoso ou deficiente receba o Benefício de Prestação Continuada.

Proposto pela deputada
Rita Camata do PSDB