Google– ou –
Jonas Donizette
Deputado • 1º mandato • São Paulo

Jonas Donizette

Psb fdb3a56d5e3976a7563ea22eba27e18816a3b0fe70181147330c2a1953a926acPSB - Partido Socialista Brasileiro

14 projetos cadastrados

0 aprovados, 0 reprovados

Votos em 14 projetos

11 sim, 3 não

Ranking
  • Marcus Pestana
    48º
  • Jaime Martins
    49º
  • Jonas Donizette
    50º
  • Carmen  Zanotto
    51º
  • Jovair Arantes
    52º

Aceitação Geral

6.238 votos

5.200 sim

1.038 não

Total de comentários

96

Classificação Geral

Urgente
39%
Relevante
35%
Corajoso
6%
Inviável
5%
Irrelevante
8%
Sem noção
6%
Biografia +
Naturalidade: Monte Belo, MG Profissões: Radialista Mandatos (na Câmara dos Deputados): Deputado Federal, 2011-2015 (São Paulo - PSB). Filiações Partidárias: PSDB, 1992-2001; PSB, 2001-. Atividades Partidárias: Membro, Diretório Nacional, PSB, 2003; Presidente, PSB, Campinas, SP, 2003-2005; Vice-Presidente, Diretório Estadual, PSB, SP, 2005. Atividades Parlamentares: Câmaras Municipais, Assembleias Legislativas e Câmara Legislativa do Distrito Federal. Mandatos Externos: Vereador, Campinas/SP, Partido: PSDB, Período: 1993 a 1996 Vereador, Campinas/SP, Partido: PSDB, Período: 1997 a 2000 Vereador, Campinas/SP, Partido: PSDB, Período: 2001 a 2003 Deputado Estadual, SP, Partido: PSB, Período: 2003 a 2006 Deputado Estadual, SP, Partido: PSB, Período: 2007 a 2011.

Proibirá que os fabricantes de medicamentos de uso contínuo ou continuado interrompam temporariamente ou definitivamente a fabricação desses medicamentos sem autorização do Ministério da Saúde.

Proposto pelo deputado
Jonas Donizette do PSB

Fará com que seja automaticamente presumida verdadeira a influência de álcool ou de qualquer outra substância que gere dependência sobre o condutor de automóveis, quando este se recusar a se submeter aos procedimentos que constatem seu real estado, com o objetivo de não permitir que estes condutores escapem impunes.

Proposto pelo deputado
Jonas Donizette do PSB

Determinará que a remuneração de profissionais da saúde que trabalham em escolas seja considerada como despesa de manutenção e desenvolvimento do ensino, desde que esses profissionais cumpram jornada de trabalho integral na unidade escolar.

Proposto pelo deputado
Jonas Donizette do PSB