Google– ou –
Galaxy 428faea50b7c4bf80ce2981df636edbe7f45ac3500ea39ac78eb15c0fd98a321
Iphone 0aecc36acfcbeafba905429be5436b20f9df94051c088855a6251487cba5e51d

O papo de boteco que
chega ao Congresso

O Política de Boteco é a primeira iniciativa que
levará aos bares do Brasil as discussões dos
projetos de lei mais controversos do Congresso
Nacional e, entregará aos deputados e senadores
os resultados dos debates que acontecem no aplicativo.

Saiba mais

Sobre

O Política de Boteco é a primeira iniciativa que levará aos bares do Brasil as discussões dos projetos de lei mais controversos do Congresso Nacional e, entregará aos deputados e senadores os resultados dos debates que acontecem no aplicativo.

O projeto é fruto da parceria entre as empresas Webcitizen e Enox On-Life, com o objetivo de atrair o interesse dos jovens que estão nos bares brasileiros para acompanhar os projetos de lei que estão em tramitação no Congresso, conhecer e discutir o conteúdo, compartilhar e opinar por meio de votos e comentários.

Os projetos de lei do Política de Boteco, e mais de 5 mil projetos estão disponíveis no site votenaweb.com.br, que oferece uma maneira mais simples para você acompanhar e opinar sobre o trabalho dos políticos brasileiros.

Baixar na Apple StoreBaixar no Google Play

Encontre estes e outros projetos de lei!

Permitirá que psicólogos tratem a homossexualidade como desordem psíquica (doença), e apliquem tratamentos caso o paciente expresse esta vontade.

Proposto pelo deputado
Pastor Eurico do PHS

Proibirá o transporte de bêbado no banco ao lado do motorista.

Proposto pelo deputado
Flavinho do PSB

Isentará os templos religiosos do pagamento do IPTU dos imóveis alugados utilizados para cultos.

Proposto por 31 senadores
Angela Portela do PT

Blairo Maggi do PR

Aumentará o limite dos gastos do governo federal com a Saúde, obrigando o governo a investir 10% da receita corrente bruta (Saúde+ 10).

Proposto pelo deputado
Vanderlei Macris do PSDB

Incluirá nos crimes de trânsito o uso de celular na direção de veículo, assim como causa para o aumento de pena no caso de homicídio culposo (sem intenção).

Proposto pelo senador
Davi Alcolumbre do DEM

Obrigará a divulgação, na internet, de despesas pessoais do presidente da República, feitas com dinheiro público como, restaurantes, hotéis, empregados domésticos, telefone, dentre outros.

Proposto pelo senador
Ronaldo Caiado do DEM

Garantirá a realização de exames oftalmológicos nos alunos da rede municipal de ensino e fornecerá óculos para os alunos carentes.

Proposto pelo vereador
Laércio Benko do PHS

Permitirá a realização de novas eleições diretas para Presidente da República até julho de 2018.

Proposto pelo deputado
Miro Teixeira do REDE